segunda-feira, 14 de abril de 2008

BOTAFOGO X FLAMENGO DO PIAUÍ

Quando liguei a televisão ontem (não fui ao jogo para resolver uns probleminhas), achei que o Botafogo estava na Copa do Brasil, enfrentando o segundo time do Piauí em menos de um mês. Porque aquela equipe que entrou em campo, recuada e sem jogadas, esperando o time alvinegro atacar, não poderia ser o meu Flamengo. Não o Flamengo que ganhou do Cienciano, na altitude, por 3X0. Não o Flamengo que, se tivesse mais algumas rodadas, teria sido campeão brasileiro de 2007. Não esse Flamengo, mas o outro.

Os laterais estavam irreconhecíveis. Juan perdeu todas as jogadas, bateu muito e só reclamou do juiz. Léo Moura? Não vi o Léo Moura em campo. Aliás, não tenho visto ele jogar ofensivamente desde que voltou da seleção naquele amistoso contra a Irlanda. Infelizmente. Parece que as declarações do Dunga, de que ele era muito bom ala, mas não sabia defender, mexeram com o cara. Sei lá. O lance é que na direita, a gente tem ido muito mal.

No meio-campo, Íbson voltou a ser o jogador que foi vaiado no Carioca. Correria e muito pouco acertos. Chegou a me irritar. Toró eu nem preciso comentar.

No ataque, Renato Augusto, muito marcado, e Souza, não fizeram nem cosquinha no Botafogo. E olha que a zaga deles tem o mulambo do Renato Silva.

Para terminar, ainda tenho que ouvir o Joel na entrevista dizendo que ninguém venceria o Botafogo na noite de ontem, nem mesmo o carrossel holandês, alegando que os caras foram perfeitos. Pera lá, Natalino, com todo respeito que eu tenho por você, o Botafogo jogou com vontade, com "sangue nos olhos", coisa que o Flamengo não teve nem nas veias.

Agora surge a pergunta: Cadê a tropa de elite?

Porque o que eu vi ontem foi só um bando de fanfarrões...

Abre o olho, Mengão!

EDITADO PELO AUTOR EM 14/04/2008, 21 HORAS

3 comentários:

Tamu Junto disse...

Fala Gil.

O Mengão ontem não entrou em campo realmente. Estava esquisito o clima no Maraca. Achei a torcida um pouco apática, parecia que sabíamos que íamos perder. E isso refletia dentro de campo também. Acho que seria um prejuízo muito grande, tendo em vista que esse ano o campeonato foi um fracasso de público - tirando os clássicos - se o Flamengo fosse campeão, ganhando a Taça Rio.

E o pronunciamento do Natalino ao final da partida, dizendo que nem o Carrossel Holandês venceria ontem do Buuuatafogo. Eu interpreto de uma forma diferente da sua. Ele deixou nas entre linhas que teria, de qualquer forma, os três jogos da final. Isso, porem não justifica a atuação medíocre do time do Mengasso. Bem como afirmou nosso blogueiro.

E outra. O time que vinha jogando o estadual, que para mim não é a formação ideal, porem estava dando certo. Com Marcinho apoiando o ataque e o Renato Augusto no meio, foi abandonada em virtude de uma partida. A formação do Flamengo de ontem, foi irresponsável, visto o cansaço que foi desculpa ao final da partida. Joel poderia colocar o Tardelli para começar a partida ao lado do Maxi ou do próprio Marcinho. Não da mais para o Souza. Pede para sair!

SRN
Vamos Flamengo! Essa taça vamos conquistar!

Gabriel Plaisant

Jean Freire disse...

Fala Fábio... tem passado pelo FlaGol?
Ontem foi ridículo mesmo, hein...
Mas vamos nos recuperar e vencer o estadual.

Alexandre Gatuso disse...

FALTOU RAÇA, AMOR E PAIXÃO COMO DIZ NA MÚSICA DO MENGÃO!!!!!!!!!!