quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

LEONARDO, PRESIDENTE!

Queridos amigos rubro-negros, temos a partir do ano que vem uma possibilidade clara de evoluirmos como clube. Afinal, em 2009 acontecerá na Gávea uma nova eleição para a sucessão presidencial do Mengão. Ainda não há nada oficial sobre as chapas que irão concorrer, contudo, fica fácil sacar que o processo já está iniciado.

Kléber Leite e Márcio Braga estão aparecendo cada vez mais na mídia. Me arrisco a dizer que o clone do Clodovil apareceu mais na TV neste fim de ano do que a Ana Maria Braga. Além disso, volta e meia ouço ou leio discursos inflamados por parte de rubro-negras tradicionais, dizendo que o ano de 2009 será a grande mudança, o ápice do Flamengo como estrutura. Tudo por conta do assunto Centro de Treinamento.

Apesar de minhas esperanças e meu rubro-negrismo me motivarem a acreditar que o tão sonhado Ninho do Urubu será uma realidade no ano que vem, minha razão, que andou falando mais alto nos últimos anos, seguram meus devaneios e me obrigam a esperar,a ver pra crer. E ai surgem muitas dúvidas.

É foda eu ficar aqui sacrificando o MB e o KL, afinal, os caras realmente assumiram o Flamengo numa situação tenebrosa. Mas também não vou passar a mão na cabeça de ninguém, culpando única e exclusivamente o Edmundo Santos Silva por toda a falta de profissionalismo e de vontade política que marcam a história (e a crise) do Flamengo.

Já acabou o tempo do romantismo. Acabou também a ingenuidade. A torcida já sabe que, hoje em dia, salvo raros momentos, futebol não é mais 100% paixão. Ele é, no máximo, 50% paixão e outros 50% de razão. E esse segundo ítem anda faltando no Rubro-Negro.

É exatamente por isso que eu estou aqui escrevendo este post. Porque, apesar de ainda não ter a confirmação de que o Leonardo, ex-lateral, irá mesmo concorrer ao cargo de presidente do Mengão, quero deixar marcado aqui o meu apoio a ele e a minha opinião (afinal, apoiar uma idéia sem argumentos é como vestir uma camisa sem amor).

O Flamengo é uma instituição centenária, que já despertou e ainda desperta a paixão de inúmeras pessoas ao redor do Brasil e do Mundo. Contudo, como vocês mesmo podem notar, as pessoas reagem de uma maneira diferente quando estão apaixonadas. Umas são mais grudentas, outras são mais dengosas, há aquelas que são mais discretas, há também as mais possessivas e é sobre essas que eu quero comentar.

Eu não duvido que aquela galera que está lá dentro, os membros milenares do conselho deliberativo, não amem o nosso clube. Até porque eu tenho convicção que eles amam. Acontece que há anos que eu acompanho de perto o nosso clube do coração e são AS MESMAS PESSOAS que estão por lá, tomando decisões e levando seus questionamentos e opiniões pessoais para dentro do clube, para a gerência do futebol. E isso é um veneno.

O tipo de amor que o clube precisa em seu atual momento é o amor equilibrado, aquele que eu falei lá em cima: uma parte paixão e outra, razão. Até para que a "relação amorosa" seja duradoura, ponderada e feliz, por muitos e muitos anos, precisamos resolver o que está sendo esquecido, os problemas ignorados ou atenuados, porque são estas questões, que há anos vêm sendo arroladas, que estão se transformando numa bola de neve assustadora. E essa bola de neve, que está descendo a montanha cada vez mais rápido, um dia irá explodir na porta do nosso clube, o clube pelo qual somos apaixonados.

Eu entendo perfeitamente que a cobrança da nossa torcida é imensa. Somos 34% de uma população que vive flertando com a desgraça e que tem no Flamengo uma das poucas alegrias de suas vidas. Mas entendo também que alguns sacrifícios são necessários para que você adquira uma verdadeira alegria (e a readquira a força). Porque o Flamengo de hoje só é forte de verdade fora dos muros da Gávea, de onde vem a sua crença e o seu apoio. Porque internamente, como instituição, o Mais Querido tem fragilidades imensas, que nos fazem perder jogadores com uma facilidade absurda, fazendo com que nossos possíveis ídolos só se mantenham vestindo o Manto Sagrado por paixão, sorte ou por conta da competência de argumentação do Kleber Leite (qualidade que nós temos que reconhecer). Mas para o Flamengo isso não basta. Precisamos avançar. Precisamos crescer. Precisamos inovar. E isso significa mudar conceitos, idéias, propostas, discursos e, fundamentalmente, pessoas.

Eu não quero tirar quem está no Flamengo. O que eu quero é fazer o Flamengo forte. Por isso eu quero o Leonardo presidente.

Vamo que vamo, Mengão!

Gil

6 comentários:

Neruso Sam disse...

Olhaí Gil,
Tá bom que vais me chamar de UFANISTA....
Mas me perdoe, afinal estamos em véspera de Ano Novo, e isso sempre nos estimula a achar que tudo será melhor no próximo ano....
Sobre o Leo, seria mesmo um ótima idéia...afinal não é a toa que ele está este tempo todo na Europa "FAZENDO ESTÁGIO" no Milan.
Tá lá de TRAINEE pra depois assumir de verdade O MAIOR TIME DO MUNDO!
Taí, Ufanismo declarado...
Feliz 2009 pra NAÇÃO.
Nelsinho(Brasília - D.F)
Hoje de Vitória(ES)

Alexandre Gatuso disse...

EU ACHO QUE VOCÊ TINHA QUE MANDA ESSE TEU TEXTO LÁ PARA A GÁVEA PARA OS CARAS QUE ESTÃO LÁ LER PORQUE ELE DIZ EXATAMENTE O QUE PRECISAM SABER DE VERDADE!!!!!!!!!!!! O FLAMENGO PRECISA DE MUDANÇA E TEM QUE SER HOJE LOGO!!!!!!!!!!!!!!!!

Felipe de Gouvêa disse...

Gil, como vc nao tem postado nesses dias, aqui vai uma PÉSSIMA notícia veiculada hoje:

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Flamengo/0,,MUL939336-9865,00-SAMBUEZA+FORA+DOS+PLANOS+DA+DIRETORIA.html

Resumindo: Sambueza tb esta fora do Fla...

Tudo bem que nosso elenco estava (bastante) inchado. Mas estamos vendo correr pelos dedos Vandinho, Diguinho, Luisinho, Souza, Eltinho, Leonardo, Dininho, Jailton e cia... E não ha notícias de novas contratações!

Sambueza foi muito, mas muito mal aproveitado pelo Caio Jr. O argentino tem talento e precisava de tempo e de jogos molezinha (como a maioria do início do estadual) pra se entrosar e se firmar no elenco.


Sei não... O Fla tá dispensando um caminhão de gente... será que tão levando a sério a intenção de trazer Adriano de volta? Acho que o tal imperador não vale o esforço. Tá me lembrando muito o troca-troca que envolveu justamente o camisa 9: Adriano e um outro que não me lembro pelo... Vampeta...

Ai ai ai... tô preocupado!

SRN

Raquel Santana disse...

Lindo post, Gil!

Nem tenho o q comentar...

Raquel
SRN

Guima disse...

Ae galera..
Vamos aderir..

www.leonardopresidente.com

Anônimo disse...

Esse tópico podia voltar esse ano!!!
LEONARDO, ZICO OU JUNIOR PARA PRESIDENTE!!!!!!!!!
CHEGA DE SAFADEZA, VAMOS MENGÃO