domingo, 25 de janeiro de 2009

A DE FORA É MINHA!



Que pelada horrorosa! Foi exatamente isso que eu fui ver lá no Maraca hoje, com a minha esposa ao meu lado e mais alguns parentes e amigos. O nível da partida foi tão baixo, mas tão baixo, que nem o campo, nem a arbitragem, nem os jogadores atuaram decentemente. Era o tipo de jogo que, se passasse na Rede Vida, ao invés da Globo, ninguém iria notar que se tratava do atual bicampeão carioca e 5o. colocado no Campeonato Brasileiro de 2008.

Para não ser extremamente rigoroso e você achar que eu estou muito amargo e exigente, vou salvar a cara de três jogadores: Bruno, Juan, o goleiro Adriano e o lateral-direito do Friburguense, que foram os únicos que atuaram relativamente bem na partida. Éverton melhorou a equipe com a sua entrada no segundo tempo. Mas também, atuar melhor do que o Marcelinho Paraíba estava fazendo não é mérito nenhum.

Para começar a relatar o que rolou lá no Maior do Mundo, já vou logo abrindo o jogo: ganhamos roubado! O jogo era pra ter sido empate em 1X1, se não fosse um erro BIZARRO do bandeira. O cara deu impedimento num lance em que o atacante do Friburguense saiu de trás de toda a zaga rubro-negra. Se você não foi ao estádio ou não ligou a TV na hora da partida (sortudo(a) você), então dê só uma sacada no lance.



A torcida também não curtiu. Era 20 e poucos do primeiro tempo e o Marcelinho Paraíba, que errou TUDO o que tentou, já estava sendo vaiado pela massa. Aliás, parabéns especial pra nossa torcida, que meteu 34 mil pessoas lá dentro mesmo num jogo de pouco apelo e de futebol horrendo. Outro que tomou um coro de "uhhhh" foi o Aírton. O garoto não conseguiu repetir as boas atuações do ano passado. Mostrou-se medroso, sem tempo de bola e agressivo. Pra piorar, o Willians, jogador com nome de carro de fórmula 1, estava mais pra uma Jordan (do Rubinho) e só tava comendo poeira em campo. Ou seja, ficamos com um meio-campo perdido e sem poder defensivo, o que nos causou muitos sustos. Sorte que o time da serra era tão ruim, que não arrumou nada demais.

Críticas à parte, o mais importante é que conquistamos os 3 pontos, coisa que nem Vasco nem Flu conseguiram. Bostafogo foi o único dos grandes que começou a competição vencendo, assim como nós. Ao final da partida, o Cuca e os jogadores prometeram um time bem melhor contra o Bangu (que pra mim será o grande saco de pancadas da competição). Mas também, não é difícil prometer algo assim, afinal, jogar pior do que hoje é humanamente impossível.

VAMO QUE VAMO, MENGÃO!

Gil

OBS: Hoje eu arrisquei 2X1 e deu 1X0. Então, já vou antecipar o meu palpite para a próxima partida (2x0 Fla), pra que vocês também me acompanharem dando os seus palpites aqui nos comentários... quem se habilita?

3 comentários:

Caio de Almeida disse...

Gil, realmente o futebol apresentado decepcionou. Mas a meu ver, o time parecia bem melhor que todos os outros grandes em seus respectivos jogos. Creio que a chance de engrenarmos e caminharmos rumo ao título seja grande. Penta tri!

SRN

Alexandre Gatuso disse...

FOI A CONTA DO CHÁ GIL E POR ISSO OS CaRAS PROMETERAM MELHORA NA PROXIMA PARTIDA!!!!!!!!!!!!! MAS EU TAMBEM ACHO QUE O BANGU VAU SER O SACO DE PANACADA DOS TIMES DO RIO E VAI DESÇER DENOVO PARA A SEGUNDONA INFELISMENTE!!!!!!!!! MEU PALPITE QUE VAI SER 4 A 0!!!!!!!!!!!!!

Peter Crouch disse...

Opa! Fiquei curioso com uma coisa.Sou de Salvador e pensava que a expressão "A de fora é minha" fosse uma coisa local.heheheh
No rio se usa também?
Normalmente a frase completa. "Dez minutos ou dois gols e de fora é minha".heheheh