sexta-feira, 5 de outubro de 2007

ONTEM DEU ORGULHO

Que jogo foi aquele de ontem? Que atuação foi aquela da zaga? Que atuação foi aquela do meio-campo? Que atuação foi aquela do ataque?

Maluco... o jogo de ontem, contra o São Paulo, líder isolado do campeonato e virtual campeão da competição - pentacampeão como nós, diga-se de passagem - foi um dos melhores jogos que eu vi o Flamengo fazer nos últimos tempos. Há, pelo menos, 5 anos não vejo o nosso time atuar com o espírito de ontem.

A arquibancada do Mário Filho tremia como eu não via desde o Brasileiro de 1992, na decisão contra a cachorrada. Nos olhos da torcida rubro-negra, a alegria não conseguia ficar disfarçada. Por mais que se tentasse segurar o orgulho, ele escapava, sorrateiramente, num sorriso de canto de boca. Vimos o time que o Flamengo precisava ter desde o começo da competição. As almas de Adílio, Nunes, Baltazar, Andrade, Raul, Júnior e Zico pareciam ter entrado nos corpos dos artistas que vestiam o manto nas cores do sangue e da escuridão! Uma pena essa gana só ter nascido agora no coração daqueles 11 jogadores que entraram em campo na noite do dia 04 de outubro.

Sob hipnose, eu estava na cadeirinha branca. E diante de mim, um time brioso, aguerrido e taticamente perfeito desfilava na passarela verde do maior do mundo!

SUFOCAMOS o São Paulo, o melhor e mais estruturado time do Brasil há muuuuuito tempo! Os caras simplesmente NÃO JOGARAM! No primeiro tempo, o Mengão já tinha dado 5 ou 6 chutes a gol, todos perigosos, e o São Paulo NENHUM! Maluco, eu disse NENHUM!!! E sabe qual a moral disso: não há preparação, infra-estrutura ou dinheiro que substitua a força que vem de dentro da gente. Raça, talento e vontade quando se juntam, meu camarada, ninguém segura!

Não preciso nem dizer que o Ibson, e sua genética rubro-negra, foram fatais para o time paulista. Ele foi o elemento de desequilíbrio na partida: comandou a esquadra de Joel, com a alma do Leovegildo. Impôs raça, ritmo aos jogadores e brindou a arquibancada com seu talento. Aliás, justiça seja feita aqui neste blog, eu espinafrei o Natalino por muito tempo. Acho que o Joel é do tipo de técnico que só sabe motivar, mas não é especialista em montar um time. Mas ontem o cara se superou. O Flamengo jogou de maneira muito inteligente: adiantando a marcação, atacando pelas pontas, pelo alto, pela linha de fundo, com passes curtos ou em lances individuais. Pra resumir, a partida disputada ontem contra o São Paulo elevou o Flamengo de time para Esquadrão!

Agora a gente está em 10º lugar na tabela, com 40 pontos, na zona de classificação para a Sulamericana. Mas isso não importa hoje. O que importa é que o Flamengo voltou a ser o Flamengo.


Saudações rubro-negras. Tô feliz pra caralho!

FORA KLEBER LEITE!!! FORA MÁRCIO BRAGA!!! ZICO PRESIDENTE!!!

5 comentários:

Letícia disse...

porra realmente o jogo de ontem deu orgulho de seu rubro- negro
EU tava lá em plena Raça-Fla...
é isso ai rumo a sulamericana!!!
"ÊÊ BOIABES, Lá no Maraca festa da Raça
ÊÊÊ BOI DARCO bebe sem mágoa,
você pensa q esse vinho é agua ,
É primavera e no maraca é a Raça que Impera
Ó que Beleza mais um golaço do Obina de Cabeça!"

Neruso Sam disse...

Ontem realmente vaelu o orgulho de dizer EU SOU FLAMENGO!
E depois da MISICA DA VITÓRIA entoada pela galera até o AYRTON viraria flamenguista!

Filipe disse...

Gostei da "alma do Leovegildo", Fabio, foi isso mesmo. O time todo honrou o manto e fez valer o velho clichê "dar um nó tático" nos bambis do Murici.

Negão disse...

Quem não esteve no Maraca ontem, perdeu o jogo do ano. Tô extasiado e rouco, é claro. Porém, tá na hora de "baixarmos a nossa bolinha" e voltarmos ao planeta Terra. Afinal, domingo tem o fluzeco de novo e precisamos vencer. A possibilidade de uma vaga na Libertadores é uma realidade. Basta ver os jogos que ainda faremos no Maraca e a tabela de classificação. Mais uma vez, a vitória é fundamental, e vamos ganhar (de qualquer maneira!). Saudações rubro-negras

Alexandre Gatuso disse...

AH MEU MENGÃO EU GOTO DE VOCÊ QUERO CANTAR PRO MUNDO INTERO A ALEGRIA DE SER RUBRO-NEGRO CANTA COMIGO MENGÃO ACIMA DE TUDO RUBRO-NEGRO!!!

SRN