terça-feira, 23 de outubro de 2007

2X0, 74 MIL, JUIZ LADRÃO E VASCO NO DESESPERO

Bem, tive alguns problemas pessoais que me impediram de escrever aqui desde sábado. Sendo assim, vou pra um mega post, que resume tudo o que rolou e o que vai rolar com o Mengão.

Sobre o jogo contra o Grêmio, no Maracanã, o resultado não poderia ter sido melhor: 2X0, demonstrando aplicação, bom futebol, garra e, acima de tudo, a força da nossa torcida, maior do mundo. Mais uma vez, o recorde de público do Brasileirão foi batido. 74 mil pessoas encheram o anel do maior do mundo para ver o Mengão dar um baile tático no Grêmio, do técnico Mano Menezes, aquele que fala demais e que acabou voltando pra Porto Alegre com a boca fechada e 2 gols goela abaixo.

Quero aproveitar, então, para me render à capacidade do Joel de fechar a minha boca. No começo do trabalho do Natalino, não dava pra notar o "dedo" do treinador na equipe. Era tudo um grande "vamos que vamos" e as primeiras vitórias surgiram mais na vontade e na raça do que pelo bom futebol. Eu, então, cumpria o meu papel como representante da torcida aqui no URUBUZADA: sentava o sarrafo nele e no time todo.

Mas aí rolaram várias contusões, vários contratempos e, deles, surgiu a necessidade de um time bem armado, jogando com inteligência, para não padescer e entrar de uma vez na zona de rebaixamento para não mais voltar. Aí o Joel se mostrou um estrategista para todos... graças a Deus!

Para destacar a inteligência do esquema de jogo do time no domingo, contra o tricolor gaúcho, vale falar dos principais jogadores do elenco:

Bruno - É, indiscutivelmente, um dos melhores goleiros brasileiros na atualidade. Salvou o Flamengo em lances muito difíceis, evitando que o Grêmio pensasse que podia chegar ao empate.
Léo Moura - Em excelente fase e tendo o esquema tático a seu favor, está jogando muita bola. Avança muito, constrói muito e tem marcado até gols. É rápido na volta a defesa e acaba construíndo inúmeros contra-ataques por conta disso.
Fábio Luciano - Pra mim, a melhor contratação do Flamengo. Trouxe maturidade e segurança à zaga. Para o time, ofereceu sua liderança. Joga muito bem em todos os jogos e acabou ajudando o Angelim a fazer o mesmo.
Angelim - Sempre foi o nosso melhor zagueiro na temporada, mas avançava demais pro ataque, mesmo sem cobertura adequada. Agora, ganhou mais confiança e experiência com a chegada de um companheiro que não é estabanado, como eram os anteriores Irineu, Moisés e Thiago. Tornou-se uma arma importante na saída para o ataque pela ala esquerda.
Rodrigo Arroz - É o melhor reserva para a zaga. Rápido, bom nas cabeçadas e forte na marcação, atuou bem contra o Bacalhau e nos fez ficar tranquilo diante da ausência do xerife e capitão, Fábio Luciano.
Juan - O craque do Flamengo na temporada. Assim como o Léo Moura, tem sido favorecido pelo esquema tático. Mas isso não muda seu excelente futebol, ofensiva e defensivamente. Precisa só parar de reclamar um pouco, para não levar tantos cartões. Mas é o melhor lateral esquerdo que o Flamengo teve após a Era Athirson.
Egídio - Muito bom reserva para o Juan. Foi exigido e jogou MUITO contra o Grêmio. Tem habilidade, sabe cruzar bem e defende de maneira razoável. Para brigar de igual para igual com o Juan, só precisa de um pouco mais de velocidade e, às vezes, precisa saber que a bola tem que ser bicada pro mato.
Cristian - É o Dunga melhorado do Mengão. Marca de maneira forte, persegue implacavelmente os adversários, cai como um lateral pela direita e ainda arruma tempo pra chutar umas bombas do meio da rua. É um meio-campo muito regular e presente, apesar de não ser um gênio tecnicamente. Foi um dos responsáveis pelo primeiro gol contra o time gaúcho, no domingo.
Íbson - Esse muleque joga pra caralho! Sabe conduzir a bola como poucos jogadores que eu vi na minha vida. Parece que prende a bola nos pés dele. Isso acaba atraindo dois, três marcadores na sua cola e deixando as laterais adversárias sem cobertura. Ai ele tem a inteligência, rapidez e habilidade pra soltar a bola pro Léo ou Juan irem em direção ao gol. O Íbson tem que morrer vestindo o manto rubro-negro.
Rômulo - O moleque entrou num momento em que o Flamengo estava muito ruim na marcação, deu conta do recado e aproveitou o crescimento da equipe para crescer também. Tá certo que não tem muitos recursos na construção das jogadas. Mas, se voltar da contusão que o afastou e continuar desarmando como estava, continua titular com o Joel.
Toró - Oferece ao time o que ele tem de melhor: vontade e fôlego. No jogo contra o Vasco e no jogo de domingo, melhorou muito taticamente, ao fazer o papel de condutor da bola pela esquerda de ataque, suprindo a falta da velocidade do Juan. Está se tornando um bom reserva.
Léo Medeiros - É o coringa do Natalino. Apoia bem, bate faltas com categoria e ainda joga como volante, armador e lateral. Mas tem um pequeno probleminha: "dorme" muito durante a partida.
Sousa - O atacante grandalhão melhorou muito seu futebol depois que o Joel mandou que ele atuasse pelas laterais. Percebam que ele sempre leva um dois jogadores para a linha de fundo com ele e usa sua habilidades como pivô para prendê-los lá sem que tomem a bola dele. Isso deixa o meio livre para os ataques de Toró, Ibson e Cristian. No jogo de domingo, todo o empenho do Sousa foi recompensado com um belo gol. Ele tem lugar no time enquanto o Obina estiver fora. Depois, os dois vão ter que brigar.
Maxi - O argentino pode não ter a capcidade do Messi, mas é importante pra caralho entre os 11 do Natalino. Enquanto o Sousa ou Obina são os bondes, os homens de referência na área, o argentino é o cara rápido da dupla de ataque. Ele vai que nem uma bala por entre os zagueiros, seja pela ponta ou pelo meio da área. É o azougue, o cara que não desiste nunca, que cava as faltas pro time, que corre atrás do goleiro quando os adversários recuam a bola. E um cara como esse é fundamental no esquema 3-5-2. a não ser que o time adversário esteja bem fechado. Aí, pode meter Sousa e Obina e chuveirar tudo o que pintar pra dentro da área.

Agora que eu já falei dos destaques da equipe e das mexidas que o Joel promoveu e que melhoraram muito o desempenho rubro-negro. Vamos ao árbitro do jogo, o senhor Sálvio Espíndola. Não satisfeito com os inúmeros e assustadores erros durante os 90 minutos de partida, o pela-saco ainda resolveu complicar a vida do Flamengo fora dos gramados. É que o cara-de-preto-cuja-mãe-trabalha-numa-zona-de-baixa-respeitabilidade colocou na súmula do jogo que um torcedor do Mengão atirou uma lata de cerveja no ombro do "regra três". Com isso, corremos o risco de perdermos o mando de campo nos próximos e decisivos jogos do Brasileirão. O filho da puta também teria dito que um dos nossos torcedores mirou um fogo de artifício nele. De acordo com a PM, o culpado foi preso e identificado como torcedor do Grêmio, o que mostra a má vontade e má intenção do cidadão para com o melhor e maior time deste país.

Quem está querendo ajudar a gente, ao que tudo indica, é o Bacalhau Imundo. Os caras, que não conseguem ganhar do Flamengo há uns 20 anos, agora mandaram embora o Celso Roth (como se fosse culpe dele) e nomearam o Romário como treinador. O Baixinho marrento, que estava se recuperando de uma bicheira na perna, já manda no clube e agora, na equipe, para a próxima partida. Esta não é a primeira vez que um clube do Rio faz isso. Em 96, o Renato Gaúcho também já assumiu o Fluminense durante o Brasileiro daquele ano. Se seguir o exemplo de seu camarda de futevôlei, como técnico, Romário vai continuar sendo marrento e não conquistando nada que preste.

De qualquer forma, agradeço à diretoria do Vasco em nome da maior torcida do Brasil e do Mundo, a nação rubro-negra.

Até o próximo jogo (certamente uma porrada diante do América de Natal).

FORA KLEBER LEITE!!! FORA MÁRCIO BRAGA!!! ZICO PRESIDENTE E JOEL COMO TÉCNICO!!!

3 comentários:

Neruso Sam disse...

Fábio
Se teve lata mesmo o filho da puta que jogou só pode ser vascaíno ou gramista.
Lança aí no rio uma corrente pra descobrir quem é o maldito.
Vamos achar e entregar pra polícia.
Saudações
RUMO A TÓQUIO

Alexandre Gatuso disse...

CLARO QUE NÃO TEVE NINGUEM ESSE JUIZ VIADO TA ARMANDO PRA CIMA DA GENTE!!!!

Negão disse...

Também queimei a língua sobre o Natalino. Ainda bem!!!!