sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

PÓS-JOGO -
FLAMENGO x NOVA IGUAÇU

Fala, galera! Tozza na área, beleza?

Na estréia de Ronaldinho no Flamengo, Luxemburgo resolveu mudar o esquema, improvisando um meia na ala, fato que deixou o meio-campo mais leve, mas ocasionou uma fragilidade muito grande no lado esquerdo da defesa, em especial.

Vamos a análise tática:

Flamengo iniciou com Felipe, Léo Moura, Welinton, David Braz e Renato. Maldonado, Williams, Vander e Thiago Neves. Ronaldinho e Deivid.


O esquema demorou para encaixar. Na verdade, demorou o primeiro tempo inteiro mais a primeira parte do segundo tempo. Ronaldinho jogou mais centralizado, com Thiago Neves na direita e Vander na esquerda. Nenhum dos dois conseguiu efetivamente jogar com os laterais: Léo subia, mas estava bem marcado, e acabou fazendo poucas jogadas com o Thiago. Já Vander ficou meio perdido, pois atuou numa posição diferente da que vinha jogando.

Como as jogadas não saiam, Ronaldinho tentou cair mais pelo lado esquerdo, trocando com Vander e, algumas vezes, com o Thiago Neves. Thiago movimentou-se bastante, tentando achar espaço para criar, mas a marcação do Nova Iguaçu estava certinha. As jogadas não estavam saindo, mesmo com os meias encostando no ataque, porque Deivid continuava se movimentando muito pouco.

* Troca com Thiago Neves


* Troca com Vander




No segundo tempo, as coisas não mudaram muito. Os meias continuavam presos, Ronaldinho foi definitivamente para a esquerda, valendo-se da aproximação maior de Renato. Com as substituições feitas pelo Luxa, o time começou a melhorar; a entrada de Bottinelli e Wanderley, deram maior movimentação na frente e mais opções ofensivas. Em seguida entrou Egídio no lugar do Maldonado, com Renato sendo deslocado para a cabeça-da-área. Léo Moura passou a jogar mais próximo a Bottinelli, Thiago moveu-se para o lado esquerdo, para auxiliar no apoio (onde já tinha Ronaldinho) e foi exatamente por lá que o gol saiu.

* Formação com a entrada de Botinelli e Wanderley



* Ataque pelo lado direito com Botinelli e Leo Moura


* Ataque pelo lado esquerdo. R10, Thiago Neves e Renato.



Pessoalmente, não gostei dessa "invenção" do Luxa em mudar e improvisar o Renato como ala. Além do jogador praticamente não ter treinado na posição, sua condição física atual não lhe permite mais apoiar e defender com eficiência. Todos os ataques e contra-ataques do Nova Iguaçu foram nas costas dele.

No meio, Vander também parecia confuso, pois saiu da posição que vinha jogando, e Thiago Neves mostrou a mesma raça e disposição, correndo o campo e o tempo todo. Maldonado e Williams foram bem na marcação, mas como tem acontecido em todos os jogos, o chileno segurando um pouco demais a bola e o camisa 8 errou a maioria dos passes que tentou.

Lá trás, Léo Moura passou de burocrático, no primeiro tempo, para uma boa alternativa no segundo, com a presença do Bottinelli. A zaga continuou batendo cabeça. Na verdade, Welinton e David Braz não me passam segurança alguma.

Pra encerrar, o estreante da noite, Ronaldinho, mostrou o toque de classe que pode dar ao time e mostrou que vem mais coisa por ai. Muita movimentação, ótima colocação e uma visão de jogo de dar inveja, apesar de sua condição. Não tenho dúvidas que teremos um “craque com C maiúsculo” no nosso time esse ano. Festa digna, Nação mais uma vez se fez presente e deixou o R10 comovido a ponto de beijar o escudo.

VAMO QUE VAMO, MENGÃO!

Tozza

8 comentários:

Christiano @chmctba disse...

Solta o verbo ,URUBULINO!

Prefiro ler do que escrever!
Sensacional a analise tatica.
Recordo quando assisti a 1ªlivecast e passei ouvir os comentários de quem sabe,de quem entende e fala com propiedade sobre futebol,os convidados eram outros craques.
A analise tatica postada,mostra e me faz pensar :_Tenho muito a aprender o que é de fato o mundo chamado futebol.
Sinceramente TOZZA,vc é o cara.
Flamengo,estou contigo e não abro

Diego Fernandes disse...

Fala Tozza,

Perfeita síntese. O Deivid ainda não entrou no time, apesar de eu achar que ele até que não foi mal e sofreu um pouco com o isolamento nesse jogo.

O Renato foi muito mal na lateral, deixou muitos espaços e também não rendeu o q rende no meio de campo, ou seja, não marcou nem atacou bem.

Vander perdidinho...

Willians ganhou todas as jogadas, errou quase todos os passes.

Botinelli parece ter sentido a estréia, achei meio nervoso, errou alguns passes simples.

T. Neves vai ser um dos destaques desse time, quando o time se acertar. Também achei ele meio perdido, assim como o Vander, mas foi o melhor em campo.

E o R10, o R10 é... Q nem o Flamengo. R10 é R10! Outro departamento...

Abração,
Diego Fernandes - www.blogols.com.br
@vai_e_vemgavea

allanbrunosm disse...

Fala Tozza!
Análise muito boa!
Acredito que começar com o Renato na esquerda foi uma péssima idéia do Luxa. Apesar do Egídio estar longe de ser um Juan dos velhos tempos, ele tem evoluído a cada partida e tem mais poder de marcação do que o Renato. No fim do jogo, não deu outra: Luxa foi obrigado a colocar ele no jogo pro time ganhar liga de uma vez por todas e iniciar a jogada do gol.
Quanto ao Deivid, eu acho que chegou o momento de encostar ele. O Wanderley vem entrando bem, Diego Maurício fez gol pela seleção e a falta de movimentação somada a escassez de gols dele vem irritando profundamente a torcida!
Ainda sinto falta de um grande nome pra defesa. Mas hoje, na minha opinião, o time poderia ser escalado assim:
Felipe; Léo Moura, Welinton, David e Egídio; Willians e Maldonado; R10 (pela esquerda), Botti (pelo meio) e TN7 pela direita; Ruud Van der Ley .

Nessa escalação eu acho que o Botti poderia jogar a frente dos volantes, como um meia mesmo, deixando R10 e TN7 jogarem como alas. E, para confundir a marcação, eles poderiam trocar de posição durante a partida, invertendo TN7 e R10 ou mesmo colocando o Botti algumas vezes pela direita e deixando TN7 e R10 se revezarem no papel de iniciar as jogadas pelo centro.

Por fim, para um time que joga com 2 laterais e 2 alas, acho que o flamengo ainda centraliza muito as jogadas. temos que explorar mais o jogo aberto e os cruzamentos, além das finalizações de longa distância.

Abraços

Nivinha disse...

Eu achei a zaga bem no jogo, principalmente o David.
Vander mal, mas achei que estava nervoso. garoto novo ainda né?

SRN

@NivinhaFla
http://flamengoaspirinaseurubus.blogspot.com/

@livinhojcs disse...

boa tozza!
primeiro jogo do R10.. tem que esperar um pouco pra ficar entrosado e tal! pena q nao temos tanto tempo assim, jah jah tem semifinal!
e vambora!
Esse ano tem que ser tudo nosso!!
SRN
@livinhojcs

TOZZA disse...

Agradecer a todos aqui pelos comentários... obrigado

Tozza ;)

AF Sturt Silva disse...

Tozza bacana sua analise.
Muito legal.

http://flamengoshow.blogspot.com/2011/02/em-defesa-do-flamengo.html

Coluna!

@rsuzanoFla disse...

"Faço do Christiano minhas palavras Tozza!"
Estou estupefato com sua análise tática. "Coisa de gente grande meu irmão" como diria um grande amigo.....Parabéns!
O urubuzada.blogspot.com ganhou mais um seguidor HexaFla!
Grande abraço em todos!