segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

FREAK SHOW

Tá complicado aturar Welinton, Deivid e Fernando vestindo o manto.
Não é à toa que o tema do #LivecastURUBUZADA de hoje a noite será o fim dos estaduais. Partidas como a que o Flamengo "disputou" ontem, lá no Moacyrzão, definitivamente não podem se repetir nos próximos anos. Um jogo entre um gigante, como o Flamengo, contra um time de temporada, como o Boavista, é ruim em vários aspectos: pro torcedor e telespectador, que pagam pra assistir a um jogo muquira, onde os jogadores visivelmente se poupam; pros jogadores, que se expõe a um sol bizarro e as cobranças da torcida que sempre deseja espetáculo, e pode ser muito ruim pro treinador também, afinal, uma derrota prum mulambo desses pode selar sua demissão (não era o caso do Luxa). Pelo menos vencemos por 3x2.

É claro que não sou nenhum ditador, contrário a democrática e saudável presença dos times menores no Estadual. Muito pelo contrário, acredito que eles devem participar, porém, em menor número, pra selecionar mais e evitar bizarrices como as que vemos ultimamente. Afinal, sob o ponto-de-vista comercial, acabará se tornando impossível, mesmo com a verba de TV, manter uma competição que tem mais times pequenos (e de baixíssimo investimento) do que times médios (Flu, Vasco e Botafogo) e grandes (Flamengo).

A solução PODERIA SER emprestar pros times menores jogadores promissores, mas que ainda não têm espeço no plantel titular de Flamengo, Vasco, Fluminense e Botafogo. Esses times até fazem isso. Mas, na hora do confronto direto, impedem que seus atletas estejam em campo colocando uma cláusula marota em seus contratos. A desculpa é ética: alegam que o jogador poderia "abrir as pernas" contra seu "dono". No entanto, na minha humilde opinião, isso é cagaço do garoto "querer mostrar serviço". 

O resultado é que enfrentamos 10 times completamente frágeis, que não nos testam e nem nos desafiam em nada (salvo quando resolvemos perder). E o futebol sem desafio e sem ambição, fica entediante. Taí o Vasco pra provar que perde a graça.


Do jogo, tenho pouco a elogiar. Os parabéns vão só pro Ronaldinho, pelo primeiro gol, e pro Thiago Neves,  que apesar de ainda não estar 100% fisicamente, vem melhorando a cada jogo, já está mostrando excelente movimentação e dando grandes passes, como o do primeiro gol. 

Já as broncas são várias e vão pra muita gente: pra zaga, que está mostrando que não oferece qualquer segurança quando o Maldonado deixa o campo; pro Luxa, que mexeu absurdamente mal no time, fazendo experiências no meio de uma partida em que a equipe estava QUERENDO se complicar; pro Deivid, que demonstra a cada partida que não tem mais condições de jogar futebol em alto nível; pro lado esquerdo, formado por Egídio e Renato, que ainda não se entenderam na temporada e ESPECIALMENTE pros cartolas de todos os times maiores do Rio, que  colocam seus times numa competição de tão baixo nível e mal organizada, como o Carioqueta, em troca de alguns tostões furados da televisão. Em vez de tentarem se unir numa liga para criar um verdadeiro espetáculo pros torcedores,  seu verdadeiro patrimônio, aceitam passivamente a graninha pra participar deste freak show.


VAMO QUE VAMO, MENGÃO!

Gil

4 comentários:

Marcéu disse...

Não dá ! Esse três são umas porcarias !!!! Por que os bons machucam e essas bosta nunca machucam ? E tá na hora de o Luxa chamar o Frauches dos juniores, o melhor da zaga ! Muralha, o melhor dos volantes, e o Negueba ou Rafinha, os melhores atacantes !! SRN

@NegroMar_diz

Luã C.R.F disse...

Sobre o nível do Campeonato Estadual nem comento mais, é acima do vergonhoso. Já sobre o nosso time, creio que essas 6 vitórias mascaram pra muita gente os nossos reais problemas, que são muitos. Não temos zaga, o nosso melhor zagueiro está prestes a se aposentar. Lateral esquerda é abaixo da linha de pobreza. Volante reserva é um caso sério, lamentável contar com o Fernando. Quanto ao ataque, Wanderley é jogador de 2º tempo e Deivid não é mais o mesmo, creio que não volte a ser (apesar de ter sofrido um penalti e anotado um gol ontem).
Excelente post!
Saudações Rubro-Negras

Luã Milanês - @luamCRFph
www.papodehexa.blogspot.com
www.magneticarn.blogspot.com
www.sourubronegro.com.br

Ique Muniz disse...

Campeonato Estadual não deveria existir para time grande. Sou mais a favor dos regionais... Ou então da total exclusão dos grandes, deixando a pequenada brigar sozinha.

Nível baixo, campos ruins, desgates desnecessários. É ridículo.

Eu faria como fez o Inter até agora pouco. Botava a molecada, os times B's em campo...

Diego Milward disse...

Gil, quanto ao "erro" do Luxa em fazer os testes, a grande questão é: Vai testar quando? Antes do time estar com a situação tranqüila como agora com 5 vitórias seguidas? Em clássico? Nas semi-finais? Não temos pré-temporada no Brasil, então a hora de testar é essa mesmo. Se empatar com o Boavista dane-se, não vai fazer falta nenhuma pro resto do ano esses dois pontos. Agora, não achar o melhor esquema, ou dar ritmo para os jogadores que vão compor o elenco pode custar muito caro.

Até posso concordar que "testar" Fernando ou Jean chega a ser piada, mas é o que temos e ao contrario do rubro negro Marcéu que comentou antes, não acredito que um zagueiro da base que nunca jogou nos profissionais suba pra ser solução de nada. Pra compor elenco e ir ganhando experiência pode até ser, mas que isso só serviria pra queimar nossa promessa.

Acho que as promessas tem que ir sendo lançadas quando o time estiver redondo, pra que elas entrem sem pressão. e não tenhamos novos Flops como Fabiano Oliveira, Bruno Mezenga e seus 500 milhões de gols antes dos 17 anos.


Quanto a sua critica principal em relação aos estaduais eu acho que nem o mais louco fanático imagina que do jeito que esta eles são bons. Sem duvida da pra fazer algo MUITO melhor já que acabar com eles seria utópico demais, afinal as federações e timecos vivem deles.